Dicas de cultivo de orquídeas

Você ama a natureza? Tem interesse especial pelas orquídeas? Tem paciência para esperar um ano que uma planta floresça? Leia nossa matéria especial e junte-se a nós. Seja um orquidófilo.

Cultivar orquídeas é mais fácil do que se pensa

1. Na grande maioria, as orquídeas brasileiras são epífitas, isto é, crescem presas às árvores, sem, contudo, roubar delas quaisquer nutrientes. As raízes são usadas apenas para fixar a planta no caule das árvores.

2. Ao escolher o que vai cultivar, dê preferência a espécies adaptadas a sua região. Como as orquídeas florescem apenas uma ou duas vezes por ano, é interessante possuir várias espécies diferentes (cujo ciclo de floração costuma ser também diferente). Isso aumenta as chances de ter sempre alguma planta florida.

3. Não colete ou adquira plantas oriundas das matas, pois as orquídeas já foram bastante dilapidadas pelos mateiros e colecionadores gananciosos. Procure adquiri-las de empresas produtoras de mudas ou de orquidófilos que tenham plantas disponíveis.

4. Irrigação: Mantenha o vaso úmido, jamais encharcado. É mais fácil matar uma orquídea por excesso do que por falta d’água. Não colocar pratinho com água debaixo do vaso, pois as raízes poderão apodrecer. Molhe abundantemente duas ou três vezes por semana, deixando a água escorrer totalmente. Nos outros dias, basta vaporizar as folhas de manhã cedo ou no final da tarde, quando a planta não estiver sob o sol.

5. Luminosidade: Instale suas plantas em locais onde elas possam ser banhadas pelo sol no horário da manhã (até as 9 horas) ou no final da tarde (depois das 16 horas). Se a planta não tomar sol, ela não vai florescer. As orquídeas podem ser fixadas também no tronco de árvores, desde que estas não tenham uma sombra muito densa, como as mangueiras. O problema é que, quando florescerem, elas não poderão ser levadas para dentro de casa. Aliás, é recomendável manter os vasos, o máximo possível, na mesma posição e local.

6. Ventilação: As orquídeas necessitam de locais arejados. Evitar, porém, a ventilação muito forte.

7. Adubação: Utilize um desses adubos foliares (líquidos) que se encontram na seção de jardinagem de todos os supermercados. Adicionar algumas gotas à água com que será feita a vaporização, no caso de usar pequenos pulverizadores. Procure molhar sobretudo a parte inferior das folhas de sua orquídea, pois é aí que se encontram os estômatos, que absorvem água e nutrientes.

8. Pragas e doenças: Se as plantas forem cultivadas de uma forma adequada, elas estarão mais resistentes a pragas e doenças. Se não houver excesso de umidade, por exemplo, dificilmente os fungos irão atacar. De qualquer modo, previna-se. Um dos grandes inimigos de nossas orquídeas são as cochonilhas. Esses pequenos organismos sugam a seiva da planta e podem matá-la se não forem combatidos. Quem possui poucas plantas pode catá-los, um a um, antes que se propaguem. No caso de uma coleção maior, haverá necessidade de apelar para os defensivos. Dê preferência às fórmulas naturais, pois os produtos químicos industrializados costumam ser tão prejudiciais às plantas quanto a quem as cultiva. É recomendável consultar uma pessoa que tenha experiência com produtos naturais.

9. Anote o nome da espécie de sua orquídea numa plaqueta. Também é interessante atribuir-lhe um código (numérico ou alfanumérico, como queira), para facilitar a identificação no caso de uma coleção de médio ou grande porte. Um desafio que os orquidófilos enfrentam é memorizar o nome de suas plantas, quase todos em Latim ou latinizados – raramente as orquídeas têm nomes populares. Mas isto termina se tornando um excelente exercício de memória. Desenvolva igualmente o hábito de anotar a data da floração de cada planta. Se ela não voltar a florescer na mesma época, no ano seguinte, isto pode ser um sinal de alerta: talvez ela esteja com algum problema. Examine, então, as condições de irrigação, luminosidade, ventilação…

10. Freqüente uma associação de orquidófilos. É o local mais apropriado para trocar idéias, tirar dúvidas sobre o cultivo de orquídeas e, de quebra, fazer novas amizades. Procure tirar proveito do convívio com os orquidófilos mais experientes. Na grande maioria, eles adoram repartir seus conhecimentos (conhecimentos que, aliás, serão sempre incompletos, pois, em se tratando de orquídeas, eternamente, todos têm algo para aprender).

{ 337 comments… read them below or add one }

301 Olivete 5 setembro, 2013 às 11:12

Minha mãe possui um orquidário com muitas espécies de orquídeas. Vou aproveitar sua experiência e aprender com ela como cultivá-las. Gostaria de catalogá-las, colocar nomes mas não sei como identificá-las. Poderiam me ajudar com algum mostruário de fotos?
Obrigada
Olivete

302 vania 16 setembro, 2013 às 09:41

Adorei ,mais gostaria de aprender afazer muda de orquidia aminha é daquela especie que coloca um pendao com 5 botoes ou mais e depois ela abre e ela so te duas folhas.
se poder me ensinar ,agradesso muito obrigada
vania

303 cornelia zacarias de souza klem 27 setembro, 2013 às 12:07

tenho alguns especises de orquideas gostaria de catalogalas mais nao sei o nome delas poderiam mim ajudar com algum manual de cultivo e indentificaçao

304 carlos benicio da silva 28 setembro, 2013 às 00:45

tenho alguns especises de orquideas gostaria de catalogalas mais nao sei o nome delas poderiam mim ajudar com algum manual de cultivo e indentificaçao

305 Gabriela 30 setembro, 2013 às 11:04

Minha orquidea deu flores durante 2 mese e após e morreram. Minha duvida é se eu posso cortar o talo onde as flores cresceram para poder rebrotar ou as novas flores nascem no mesmo talo? coloquei em um xaxim, mas percebo q algumas folhas estao secando assim como algumas raizes que insistem em sair para fora do vaso.. isso é normal? aguardo respostas

306 Rafaela 6 outubro, 2013 às 09:42

Minha orquidea deu flores durante 2 mese e após e morreram. Minha duvida é se eu posso cortar o talo onde as flores cresceram para poder rebrotar ou as novas flores nascem no mesmo talo? coloquei em um xaxim, mas percebo q algumas folhas estao secando assim como algumas raizes que insistem em sair para fora do vaso.. isso é normal? aguardo respostas

307 sidnei 19 novembro, 2013 às 09:05

sou iniciante, estou aprendendo a trabalhar com elas, peço dicas de como cultivar e ter bons resultados com orquideas, agradeço….

308 Marlene C. Bruning 23 novembro, 2013 às 08:57

Olá, gostaria de saber oque fazer, tenho algumas catleyas que estão com algumas folhas enroladas tipo murchas, mas continuam colocando brotos novos, alguns bulbos também ficam enrugados , as raizes continuam saindo tudo normal?

Obrigado pela ajuda.

309 Sylvia 14 dezembro, 2013 às 11:01

O cultivo de orquídeas se dá somente a partir de “MUDAS” ou existe outro modo, como exemplo: a partir de sementes??? Como adquiro as sementes, se for o caso

310 Jaqueline Andrade 7 janeiro, 2014 às 17:58

Gostaria de cultivar orquideas aqui na minha cidade,após fazer um curso de jardinista fiquei apaixonada ainda não tive oportunidade de adquirir uma, mas pretendo ter muitas e até comercializar…Tenho uma grande area coberta com eternite e sombrite é um espaço bom pra elas não ?

311 sandra 25 janeiro, 2014 às 19:31

tenho um orquidário pequeno, cultivo porque gosto muito mas as vezes algumas acabam morrendo, não consigo salva-las gostaria de uma dica para que elas não morram mais?

312 carla 26 janeiro, 2014 às 14:29

adoro orquídeas, tenho alguns vasos mas ainda não sei cuidar corretamente. algumas ate morreram, e tem uma que esta apresentando manchas escuras nas folhas. gostaria muito de aprender a cultivar e a montar um orquidário, as que tenho nas arvores estão lindas cada vez mais floridas.

313 bertha 9 fevereiro, 2014 às 09:32

eu sou uma senhora cubana aposentada q estou morando no brasil por tres meses e gostaria de saber mais sobre orquideas pq tenho varias en casa ,mas nao tenho muito conhecimento sobre elas,adoraria poder levar amostras delas ,preciso de ajuda, muito obrigada saludos bertha.

314 bertha 8 março, 2014 às 23:14

Eu sou uma senhora cubana que está a gastar vários meses no Brasil e sou um fã das lindas orquídeas e querem ter uma comunicação com a fazenda para aprender sobre eles e tomar o meu país, tenho apenas cattleyas Vaios tamanhos brancos e malva aqui eu tenho visto de diferentes cores e formas, eu realmente muito emosiono com sua beleza, quando eu voltar para Cuba traria algumas pequenas planticas de Phalannosis ou Cibidium ou qualquer outra variedade, outra maneira de ajudar teria contato com outros produtores para acesso um conhecimento prático de sua cultura que eu tenho certeza que não é fácil.
Estou residindo aqui em São Paulo e gostaria de participar em qualquer reunião, embora eu não falam Português, eu entendo sua língua muito bem. Por favor, seja para mim um S.O.S.

Muito grato pela sua atenção
Com amor fraternal
Sra. Bertha SanchezB

315 Milenna 13 março, 2014 às 14:05

ee See euu Botar Vitamina C é Bom ?

316 Bismarck 8 abril, 2014 às 21:59

Moro no Amazonas e gostaria de cultivar orquídeas com caráter comercial, como devo proceder para começar esse negócio?

317 Marli 26 abril, 2014 às 20:47

Tenho poucas orquídeas, ganhei umas a poucos dias..Mas ñ sei bem como cuidar, fiz um orquidário ,Forrado de plastico, mas da sol tda manhã, acho mto, o q podem me dizer.Será q coloco um sombrito, ou deixo pegar um pouco de sol, deixo a porta aberta tdo dia para entrar ar, moro RS cidade mto umida. Quero cuidar com carinho minhas plantinhas…

318 Marli 5 maio, 2014 às 00:55

Adorei a resposta d vc , mas onde moro nunca vi falar em reunião para falar de orquideas.Ontem ganhei uma bem comum, lá em Rosário do Sul. Vou plantar uma na rua para ver qual vai se dar melhor.Por q elas ñ podem ficar direto no chão, pq e frio?Eu gosto de flores, olhar cuidar, e me destrair…Um abraço …..

319 João José 5 maio, 2014 às 18:26

Quero saber com mais detalhes como faço para cultivar orquídeas dentro do apto

320 Rogério 20 maio, 2014 às 21:18

Estou iniciando um cultivo de orquídeas e é claro tenho muitas dúvidas, principalmente como fertilizar e adubar corretamente utilizando produtos naturais (orgânicos). Como devo proceder? Obrigado!

321 Armando Mendes 29 maio, 2014 às 10:54

Ao orquidófilos.com
Gostaria de tirar uma dúvida com vcs.
Sou principiante no cultivo de orquídeas e até o momento não consegui entender porque algumas abrem vários brotos no talo que floresceu anteriormente. Entretanto em vez de abrir flores surgem folhas no formato de flores no local.
Fiquei sem entender.
Um abraço,
Armando

322 cristina uehara 16 junho, 2014 às 13:49

boa tarde,ganhei umas mudinhas de orquideas mas,não sei como fazer p cuidar delas,plantei na terra preta,mas parece q não estao gostando,não sei.como plantar e como saber quais sao as orquideas q tenho?
pode me ajudar? face é cristina uehara.
furei tanto os vasos de plasticos q mais parecem queijo suiço,e coloquei terra preta com pedaços de tijolinhos em baixo,mas hj tive q tirá-las do vaso e lava-las,pois estão tristes algumas secas e amarelas e outras murchas,agora estão dentro do tanque com pouquinho de agua,bem pouquinho. obrigada

323 Ronaldo Lapa 2 julho, 2014 às 18:21

Olá, tenho uma orquídea vanda que nunca floriu e saem brotos laterais com folhas menores, enroladas e murchas e meio desidratadas e outras normais. Já utilizei diferentes proporções de NPK achando ser aluma deficiência, mais não resolveu. O que pode ser isso?
Grato pela ajuda,

324 Ronaldo Lapa 2 julho, 2014 às 18:22

Olá, tenho uma orquídea vanda que nunca floriu e saem brotos laterais com folhas menores, enroladas e murchas e meio desidratadas e outras normais. Já utilizei diferentes proporções de NPK achando ser aluma deficiência, mais não resolveu. O que pode ser isso?
Grato pela ajuda.

325 ruth 7 julho, 2014 às 00:44

Como adubar as Orquídeas?

326 ruth 7 julho, 2014 às 00:46

Como adubar as Orquídeas? E qual o vaso indicado para a plantação da mesma? Eu gostaria de telas lindas e bem cuidadas. OBG

327 Marcos Mazer Cicillini 14 julho, 2014 às 19:18

Ao orquidófilos.com
Gostaria de tirar uma dúvida com vcs a respeito de Cattleya granulosa, a qual não se tem tantas materias a respeito e talvez pela proximidade geografica tenham uma visão melhor deste caso.
Cultivo uma há 6 anos em cachepot de madeira , todo ano floresce bem e cresceu a ponto de estar saindo fora e tem umas 4 ramificações. Minha duvida eu posso dividi-la pelas ramificações e existe uma época do ano mais propicia para faze-lo?
No caso desta minha esta iniciando a brotação.
Toda dica é muito bem vinda.
obrigado
abraços
Marcos
Jardinopolis SP

328 Eunice Isabel 21 julho, 2014 às 07:34

Possuo uma orquídea há mais de 10 anos. Só floresceu uma vez. Oquê fazer?

329 celio donizeyh 23 julho, 2014 às 20:47

Ola tenho um orquidário d pequeno porte e algumas das minhas n solta flores a mais d um ano porque será?

330 edicleia 25 julho, 2014 às 12:56

Moro em Arapoto no PR descemos a praia e comprei mudinhas de orquídeas já ta com mais de um ano isso foi em fevereiro ela cresceu fiz mudas mas elas nunca floriram ela ta do lado de fora na área elas tão soltando um monte de miudinhas mas flores nada,será que vão florir algum dia?espero resposta quem puder ajudar que não sei q fazer mais.

331 suzamar 1 agosto, 2014 às 00:02

Minha orquídea está com um blotinho no pendão ja tem 5 Folhas como posso salvar sem perde-lo pode me ajudar?

332 Silvana 20 agosto, 2014 às 20:18

Gostaria de saber os nomes de cada uma.

333 manasses 20 setembro, 2014 às 19:48

quero saber se no plantio de orquideas,coloca-se terra ou barro.

334 sirley martins 18 outubro, 2014 às 00:32

gostaria de saber como plantar orquídeas na arvore e se pode plantar em coqueiros.

335 teresinha 5 novembro, 2014 às 13:17

Gostaria de saber o que faço com o galho da orquidea apos a florada cair, pois percebo que aquele galho não florece mais.Um abraço e obrigado.

336 lourdes 2 dezembro, 2014 às 00:11

teresinha aconteceu comigo eu ia cortar e não tendo tempo fui deixando para outro dia, pois aconteceu o inesperado naquele galho que já tinha colocado um pendão de flores nasceu mais.

337 Eva das merces de Assis 9 dezembro, 2014 às 09:54

tem varias mas so uma delas que dar tudo que mim tem ensinado ja a fiz

Leave a Comment

{ 2 trackbacks }