Catálogo de orquídeas do Ceará

Segundo o orquidólogo Luiz Wilson Lima Verde, autor de diversos estudos sobre as orquídeas do Ceará, a orquidoflora cearense pode ser estimada em cerca de uma centena de espécies, embora registros oficiais dêem conta de apenas 54 espécies pertencentes a 28 táxons genéricos, conforme expressam os trabalhos de Cogniaux (1898), Pabst & Dungs (1975, 1977) e Gomes-Ferreira (1990). Já de acordo com o projeto Flora do Brasil 2020, no Ceará ocorrem 89 espécies de 45 gêneros diferentes.

A relação que se segue é aquela que a Associação Cearense de Orquidófilos (ACEO) vem construindo, desde 2006, e que resulta, em sua base, de levantamentos feitos por Lima Verde ao longo de vários anos. Mais recentemente, Marcelo Carvalho, atual Diretor Técnico-Científico da ACEO, agregou uma dezena de novas espécies, com base em novas ocorrências registradas para o Ceará. A nomenclatura científica adotada está de acordo com a lista de Espécies da Flora do Brasil.

As fotos até agora reunidas são colaborações de Adarilda Benelli, Maria Rita Cabral, Jane Faccini, Vera Coelho, Italo Gurgel, Marcelo Carvalho, Antônio Sérgio, Leonardo Jarles Leitão, Jorge Gastin e Gleidison Lima, a quem a ACEO agradece.

Atenção: Este não é um catálogo comercial. As plantas aqui apresentadas constituem a checklist da ACEO para as orquídeas que ocorrem no Estado do Ceará. Algumas delas foram fotografadas em seu ambiente natural.

Anathallis sclerophylla (Lind.) Pridgeon & M.W.Chase
Anathallis sclerophylla (Lind.) Pridgeon & M.W.Chase (Foto: Marcelo Carvalho)
Brasilidium gravesianum (Rolfe) Campacci
Brasilidium gravesianum (Rolfe) Campacci (Foto: Antônio Sérgio e Leonardo Jarles)
 Brassavola tuberculata Hook.
Brassavola tuberculata Hook.
Bulbophyllum cf. ipanemense Hoehne
Bulbophyllum cf. ipanemense Hoehne
Bulbophyllum meridense Rchb.f. - Foto: Gleidison Lima
Bulbophyllum meridense Rchb.f. – Foto: Gleidison Lima
Camaridium carinatum
Camaridium carinatum (Barb.Rodr.) Hoehne 1947 (Foto: Roberto Otoch)
Camaridium ochroleucum Lindl . (Foto: Jorge Gastin)
Campylocentrum micranthum (Lindl.) Maury
Campylocentrum micranthum (Lindl.) Maury (Foto: Marcelo Carvalho)
Catasetum barbatum (Lindl.) Lindl.
Catasetum barbatum (Lindl.) Lindl.
Catasetum hookeri Lindl.
Catasetum hookeri Lindl.
Catasetum macrocarpum Rich. ex Kunth
Catasetum macrocarpum Rich. ex Kunth
Catasetum planiceps Lindl. 1843
Catasetum planiceps Lindl. (Foto: Antônio Sérgio e Leonardo Jarles)
Cattleya labiata Lindl.
Cattleya labiata Lindl.
Cohniella cebolleta Jacq.
Cohniella cebolleta Jacq.

 Cyrtopodium blanchetii Rchb. f.  [Foto não disponível]

Cyrtopodium cf. holstii L. C. Menezes
Cyrtopodium cf. holstii L. C. Menezes
Dimerandra emarginata (G. Mey.) Hoehne
Dimerandra emarginata (G. Mey.) Hoehne
Elleanthus brasiliensis Rchb.f.
Elleanthus brasiliensis Rchb.f.
Epidendrum anatipedium L.M.Sánchez & Hágsater
Epidendrum anatipedium L.M.Sánchez & Hágsater (Foto: Marcelo Carvalho)
Epidendrum anceps Jacq.
Epidendrum anceps Jacq.
Epidendrum avicula (Lindl.) Benth.
Epidendrum avicula (Lindl.) Benth.
Epidendrum ciliare L.
Epidendrum ciliare L. (Foto: Marcelo Carvalho)
Epidendrum difformis Jacq.
Epidendrum difformis Jacq.
 Epidendrum latilabre Lindl.
Epidendrum latilabre Lindl.
Epidendrum nocturnum Jacq.
Epidendrum nocturnum Jacq.

Encyclia patens Hook.  [Foto não disponível]

Epidendrum ramosum Jacq.
Epidendrum ramosum Jacq. (Foto: Marcelo Carvalho)
Epidendrum rigidum Jacq.
Epidendrum rigidum Jacq.
Epidendrum saxatile Lindl.
Epidendrum saxatile Lindl.
Epidendrum secundum Jacq.
Epidendrum secundum Jacq. (Foto: Marcelo Carvalho)
Alatiglossum barbatum (Lindl.) Baptista
Gomesa barbata (Lindl.) M.W.Chase & N.H.Williams
Gongora quinquenervis Ruiz & Pav.
Gongora quinquenervis Ruiz & Pav.

Habenaria trifida Kunth.  [Foto não disponível]

Habenaria graciles Schltr.  [Foto não disponível]

Habenaria hexaptera Lindl.  [Foto não disponível]

Habenaria petalodes Lindl.
Habenaria petalodes Lindl.

 Habenaria urbaniana Cogn.  [Foto não disponível]

Isochilus linearis (Jacq.) R. Br.
Isochilus linearis (Jacq.) R. Br.
Jacquiniella globosa Cogn.
Jacquiniella globosa Cogn. (na foto, com cápsulas – Foto: Marcelo Carvalho)
Laelia gloriosa Rchb. f.
Laelia gloriosa (Rchb. f.) L.O.Williams
Maxillaria amazonica Schltr.
Maxillaria amazonica Schltr.
Maxillaria leucaimata Barb. Rodr. (Foto Marcelo Carvalho)
Maxillaria leucaimata Barb. Rodr. (Foto: Marcelo Carvalho)
Maxillaria rufescens Lindl.
Mormolica rufescens (Lindl.) M.A.Blanco
Notylia lyrata S. Moore (Foto Flavio Santos - ASSOPE)
Notylia lyrata S. Moore (Foto Flavio Santos – ASSOPE)
Oeceoclades maculata (Lindl.) Lindl.
Oeceoclades maculata (Lindl.) Lindl.
Ornithocephalus cujeticola Barb. Rodr. 1877
Ornithocephalus cujeticola Barb. Rodr.
Pleurothallis ruscifolia (Jacq.) R. Br.
Pleurothallis ruscifolia (Jacq.) R. Br.
Polystachia concreta (Jacq.) Garay & H. R. Sweet
Polystachia concreta (Jacq.) Garay & H. R. Sweet

 Prescotia stachyodes (Sw.) Lindl.  [Foto não disponível]

Prosthechea fragrans (Sw.) W. E. Higgins
Prosthechea fragrans (Sw.) W. E. Higgins
Prosthechea vespa (Vell.) W. E. Higgins
Prosthechea vespa (Vell.) W. E. Higgins
Rodriguezia bahiensis Rchb.f.
Rodriguezia bahiensis Rchb.f. (Foto: Marcelo Carvalho)

  Rodriguezia bracteata (Vell.) Hoehne  [Foto não disponível]

Rodriguezia lanceolata Ruiz & Pav.
Rodriguezia lanceolata Ruiz & Pav.
Sacoila lanceolata (Aubl.) Garay [Foto:Leonardo Jarles]
Sacoila lanceolata (Aubl.) Garay [Foto:Leonardo Jarles]

 Sarcoglottis acaulis (Sm.) Schltr.  [Foto não disponível]

Sarcoglottis villosa (Poepp. & Endl.) Schltr.  [Foto não disponível]

Scaphyglottis fusiformis (Griseb.) Schult.  [Foto não disponível]

Scaphyglottis prolifera Cogn. 1898
Scaphyglottis prolifera Cogn.
Stelis aprica Lindl.
Stelis aprica Lindl.
Stelis duckei E.Pessoa & M.Alves
Stelis duckei E.Pessoa & M.Alves (Foto: Marcelo Carvalho)
Stelis loefgrenii Cogn. (Foto: Marcelo Carvalho)
Stelis loefgrenii Cogn. (Foto: Marcelo Carvalho)
Trichocentrum fuscum Lindl. 1837
Trichocentrum fuscum Lindl. (Foto: Marcelo Carvalho)
Trizeuxis falcate Lindl.
Trizeuxis falcate Lindl.

 Vanilla palmarum (Salzm. ex Lindl.) Lindl.  [Foto não disponível]

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone
Compartilhe nas redes sociais

264 comentários sobre “Catálogo de orquídeas do Ceará

  1. Sou de Natal/RN e estou fazendo uma pesquisa sobre as especies de orquideas de meu estado, e consegui grande ajuda, para identificar algumas especies em seu catalogo, desde ja, agradeço e te dou os parabens pelo seu otimo trabalho.

  2. Sou Antonio, moro em São Paulo e fiquei surpreso com a diversidade de exemplares na flora Cearense, sou também cearense e por cima apaixonado por orquideas. Tenho uma pequena quantidade na minha casa elas são todas da região sudeste e sul. Quando eu for aí tentarei adquiri algumas espécie.

  3. oi sou evania estou iniciando o cultivo de orquideas agora.Tenho aprox. 50 especies.moro em SC e viajo muito c meu marido q e carreteiro p o noredeste.comprei algumas especies em Itatim BA.Lá se encontra mts especies da regiao e eu gostaria de conhece-las p/ cataloga-las.sou apaixoonada p orquideas e tenho me interessado cd vez mais.parbens pelo seu trabalho

  4. Desde primeira vez q vi uma orquidea catylleia labiata me apaixonei + onde moro não consigo cultivar tem bastant vento e ar seco todas q compro morrem secas o que devo fazer?

  5. Quero saber o q é possivel fazer pra salvar especies de orquideas na serra de uruburetama a devastação e tremenda onde era bastante quantidade hoje não existe nada retiram as orquid e até arvores arrancam pra roubar as especies por favor me digam q providências serão tomadas antes que seja tarde

  6. Ola, estou começando o cultivo de orquideas,como faço para saber qual a identificaçao da especie, nenhuma ha flor.
    Moro em Sacramento mg, me chamo Maria luiza e adorei suas postagens.

  7. sou cearence,moro em são paulo,achei lindas as fotos do ceará.Tenho muitas espéciees de orquidéas mas do Sul e Sudeste,gostaria de adquirir algumas espécies do meu Ceará e como adquirir novas orquideas dai seria possivel mandar o endereço por email.Parabéns pelas lindas e maravilhosas orquidéas.

  8. Gostaria de fazer algumas observações com relação a esta lista.
    O Catasetum barbatum está parecendo o mais o Catasetum lanciferum; O Catasetum hookeri deve ser na verdade um Ctsm. luridum, o labelo do hookeri é súpero. Ésta Gongora classificada com G. quinquenervis é na verdade uma Gongora pleiochroma.

  9. Por favor, me ajudem. Tenho uns 4 vasos de Miltonia, todas as plantas colocaram espatas para florescer, mas secou em todas elas. Uma tinha 5 espatas, nenhuma floresceu. O que deu errado?

  10. ola sou passos mg, estou iniciando meu orquidario .
    hoje ja devo ter 100 mudas,20 plantas adultas.
    se alguem tivere mudas que possa doar , agradeço.

  11. Olá,

    sou jornalista e gostaria de iniciar contatos para uma possível reportagem sobre orquídeas no Ceará. Por exemplo: com quem incialmente conversar; quais os principais produtores no estado.

    Grato,

    Darlan Moreira

  12. Tenho umas 20 mudas de orquidea
    sou apaxionada por elas adoro sua flores,
    quero aprender tudo, como cultiva,
    o clima aqui e quente.
    moro aem Natividade, Estado do
    Tocantins.
    Francisca Maria

  13. Boa tarde!!!!
    Adorei esta planta,não a tenho em minha coleção,portanto gostaria de saber como adquirir um exemplar desta e se possivel adulta em floração..

    Desde já muito agradecido..
    abraço..
    Ficarei muito grato se obter o retorno de vcs!!!

    Este é o nome desta planta que me encantou..

    Dimerandra emarginata (G. Mey.) Hoehne

  14. Prezados Amigos, Boa Tarde!
    Sou admirador de orquídeas e gostaria, se possível, informações para compra de orquídeas de cultivo no clima quente. Moro no interiro do Maranhão e algumas que comprei no sul do País, algumas já morreram. Vocês tem agenda de exposições para 2012?
    Grato!
    Afonso de Ligório Alencar Santos

  15. Sou apaixonada por orquideas, gostaria de obter dicas importantes de como cuidar delas para que elas fiquem bem lindas.Devo ter umas 80 plantas entre mudas e plantas adultas. mas percebi que algumas delas estão com as folhas desidratadas, o que fazer? Gostaria que vcs me dessem dicas , para que eu não perca nenhuma delas.Agradecida.

  16. Também gosto de orquídeas. Mas eis que encontro aqui um amigo antigo : o DARLAN MOREIRA, jornalista. Você poderia enviar o meu e-mail para que ele possa entrar em contato comigo?
    Fizemos Jornalismo juntos e a nossa turma perdeu o contato com ele.
    Obrigada

  17. Hola …
    Soy de capital federa bs as. quisiera saber como hago para comprarles orquideas y los costos de las plantas . si envian a todo el mundo.
    Me interesan las phaleanopsis y cymbidium.
    Muchas gracias .

    Espero una pronta respuesta

  18. Bom dia! Sou de Manaus e estarei aí em Fortaleza, nos dias 24 à 29/04 e gostaria mto de saber se haverá exposições, “eventos sobre orquídeas”? e também gostaria de visitar Orquidários, podem me passar essas informações?
    Obrigada

  19. Gostaria de saber se vocês trabalham fazendo exposições de orquideas?
    O evento seria a semana do meio ambiente – Universidade de Fortaleza

    aguardo retorno,

    Lorena Matos.

  20. Olá, amei o site, sempre fui apaixonada pela espécie, mas agora, como forma de terapia, resolvir cultivar. Amanhã irei ao encontro de vocês na casa José de Alencar, espero aprender e ficar mais encantada com essa paixão.

  21. Vera e Ju, essas são as orquídeas que dão certo o cultivo aqui no Ceará?
    Adorei o site, nunca tinha entrado (vergonha para uma associada da ACEO, podem puxar a orelha! rsrs), ele é súper explicativo e atualizado. Parabéns a nossa diretora e sua equipe que exerce com muita dedicação a direção da ACEO.
    Um grande beijo,
    Helen Luiza.

  22. Amo Orquídea de paixão, porem, não sei como conserva-la. Tenho um grande espaço onde eu poderia colecionar, mas pouco conheço. Agora por exemplo quero replantar as mudas de um vaso que ganhei e estou me descabelando para não mata-las,
    A proposito o Ceará está de parabéns, quanta beleza.
    Bjs para quem puder me dar uma dica.
    Atenciosamente, eu.

  23. Voltei como aconselhada por um esperto em cuidados com orquídeas e novamente amei o catálogo, porem, um pouco decepcionada, pois acabei perdendo um dos brotos que eu iria replantar (apodreceu) De qualquer forma, estou preparando o replante dos que ficaram. A propósito a orquídea magnata produz flor quantas vezes por ano?
    Bjs obrigada.
    Graça.

  24. Morro em pedra branca, sempre. Fui apaixonada por plantas, mudei-me pra uma casa espaçosa e comecei a pesquisar sobre orquídeas e são. Linda,apaixonantes. Gostaria de adquirir mudas e saber quando vai ter exposição em fortaleza-ce. Vou me programar e estarei la. Grata…

  25. Coleção de Orquídeas ver Flickr: j.silveira’s Photostream
    …..tenho muitas mudas, penso em trocar por especies que ainda não tenho, se alguem interessar, favor entrar em contato.
    Estou em Nova Friburgo, Est. do Rio de Janeiro

  26. Hey, Meu nome a Fatima sou de Vitoria ES, mas atualmente estou morrando nos Estados Unidos (New Jersey) , e adorei ve-los , suas orquideas sao lindas … Estou comecando minha colecao agora e gostaria de saber como conseguir trazer algumas das suas plantas pra ca.
    Voces vendem online ? Seria facil manda-las pelo correio ?
    Obrigada .
    Fatima

  27. Boa tarde. Sou de Angra dos Reis e por volta de 1995 encontrei nas matas angrenses uma bela orquídea alba, que levei ao Jardim Botânico do Rio de Janeiro e que foi identificada como Rodriguezia bracteata, (espécie em extinção) a mesma que ilustra esse catálogo de orquídeas do Ceará, como sendo Rodriguezia bahiensis. Por acaso R. bahiensis é sinonímia de R. bracteata, ou existe alguma confusão em nível de classificação?

  28. Parabenizo o amigo Marcelo Carvalho pela grande contribuição em localizar e descobrir novas orquídeas para o estado do Ceará. Tem sido uma tarefa prazerosa para ele, gratificante para todos nós Orquidológos.

Deixe um comentário