Orquídeas: quem ama, fotografa (04)

Blc. Nobile's Bruno Bruno
Blc. Nobile’s Bruno Bruno
Blc. Mias Glow
Blc. Mias Glow
Brassia aracnoide
Brassia aracnoide
Bulbophyllum elassonatum
Bulbophyllum elassonatum
Bulbophyllum Louis Sander
Bulbophyllum Louis Sander
Cattleya bawringiana caerulea
Cattleya bawringiana caerulea
Coelogyne graminifolia
Coelogyne graminifolia
Catasetum barbatum
Catasetum barbatum
Dorotis pulcherrima caerulea
Dorotis pulcherrima caerulea
Hknsa Sogo Doll 'Little Angel'
Hknsa Sogo Doll ‘Little Angel’

Publicamos hoje a seleção de fotos de Juliana Coelho Carvalho. Ela tem 37 anos, reside em Fortaleza e é corretora de imóveis. Cultiva orquídeas desde 2006. Atuante no movimento orquidófilo, há muito tempo começou a frequentar exposições em vários Estados e é a atual vice-presidente da Associação Cearense de Orquidófilos-ACEO, que ajudou a reestruturar. Juliana afirma: “O cultivo de orquídeas só me trouxe coisas boas.”

A série “Orquídeas: quem ama, fotografa” apresentará uma nova seleção de fotos toda sexta-feira. Elas serão postadas na ordem em que estão chegando à ACEO, pelo e-mail da Associação: orquidofilos.com@gmail.com

Orquídeas: quem ama, fotografa (03)

Apresentamos hoje a seleção de fotos enviadas pelo jornalista e professor Italo Gurgel. Ele reside em Fortaleza, cultiva orquídeas há 15 anos e pertence aos quadros da Associação Cearense de Orquidófilos (ACEO). Todas as fotos são de sua autoria e as orquídeas fotografadas foram por ele cultivadas.

Aguardamos novas fotos dos visitantes do site, para publicação na série Orquídeas: quem ama, fotografa. Leia as instruções na postagem Orquídea: quem ama, fotografa (02).

Aerides odorata
Aerides odorata
Ascocenda Jiraprabha x Vanda Pranermprai
Ascocenda Jiraprabha x Vanda Pranermprai
Ascocenda Princess Mikasa 'Blue'
Ascocenda Princess Mikasa ‘Blue’
Blc. (Laelia tenebrosa x Bl. Toshie Aoki)
Blc. (Laelia tenebrosa x Toshie Aoki)
Blc. Nobile's Bruno Bruno x Raven Rock
Blc. Nobile’s Bruno Bruno x Raven Rock
Cattleya granulosa
Cattleya granulosa
Tolumnia
Tolumnia
Cattleya labiata semialba
Cattleya labiata semialba
Cattleya labiata
Cattleya labiata
Cattleya labiata
Cattleya labiata

Orquídeas: quem ama, fotografa (02)

Phalaenopsis (Dtps.) Taiwan Red Cat 'Red Cat'. (Cultivo e foto: Carlos Keller - RJ)
Phalaenopsis (Dtps.) Taiwan Red Cat ‘Red Cat’. (Cultivo e foto: Carlos Keller – RJ)

Você leu nossa postagem anterior sobre como fotografar orquídeas? Se não leu, veja a matéria que aparece logo abaixo, sob o título “Orquídeas: quem ama, fotografa (01)”.

O site da Associação Cearense de Orquidófilos quer continuar mostrando belas fotografias de orquídeas. Podem ser as flores que você cultiva ou que fotografou em uma exposição, ou no orquidário de um amigo.

Para participar desta série de postagens, observe algumas normas bem simples:

1) Selecione até 10 (dez) fotografias de boa qualidade, mostrando a floração de diferentes plantas (não repita fotos da mesma flor);

2) Dê preferência a fotos em que as orquídeas sejam, de fato, o elemento principal da composição;

3) Cada arquivo deve ser batizado com o nome científico ou horticultural correto da orquídea fotografada;

4) Envie as fotos selecionadas, em JPEG, com resolução de até 800 Kb, para o e-mail da ACEO: orquidofilos.com@gmail.com;

4) Ao transmitir as fotos, informe seu nome completo, cidade onde reside e atividade profissional, podendo enriquecer esses dados com alguma outra informação que considere relevante;

6) O participante aceita a possibilidade de uma ou mais fotografias não serem aproveitadas, o que poderá acontecer caso não apresentem um padrão razoável de qualidade.

Todo orquidófilo gosta de mostrar suas orquídeas floridas. Aqui está um espaço reservado para acolher esse desejo. Aguardamos suas fotos.

Orquídeas: quem ama, fotografa (01)

13) Blc. C+®sar Porto, 07 (ID) 200912) Bulbophyllum (Cirrhopetalum) fascinator 'Coraz+¦n', 02 (ID) 201216) Cattleya percivaliana 'Carla Porto' (05) + (06), 03 (ID) 200918) Blc. Chinese Beauty 'Huei-Chu', 03 (ID) 200919) Blc. Chunyeah '#17' AM.AOS, 10 (ID) 200822) Phalaenopsis (Dtps.) Ever-Spring Prince 'Black', 01 (ID) 200824) Cattleya labiata tipo 'Estrela de Pernambuco', 05 (ID) 200854) Cycnodes Wine Delight 'Jem' FCC.AOS, 15 (ID) 200949) Cycnoches Jean E. Monnier, 12 (ID) 2009Phalaenopsis (Dtps.) Minho Princess 'Watercolor Artist' HCC.AOS - Keller 02Não é necessário ser fotógrafo profissional, nem possuir equipamento fotográfico sofisticado. Basta atentar para algumas noções básicas e você também será capaz de produzir belas fotos de orquídeas. Afinal, o “modelo” ajuda, com a beleza e variedade de suas cores e formas.

Uma vez que as orquídeas têm vida efêmera, é interesse nosso, como orquidófilos, perenizar sua imagem através da fotografia. Surge, daí, um rico material para enviarmos aos amigos, usarmos como wallpaper e ilustrarmos nossas páginas nas redes sociais.

Que cuidados devemos adotar na hora do “click”? Seguem-se alguns conselhos dados por orquidófilos experientes:

  • Fotografe as flores logo que elas desabrochem plenamente.
  • Evite a iluminação direta, seja do sol ou do flash. Dê preferência à luz filtrada. Dentro de casa, use um anteparo; no jardim, aproveite os dias nublados ou os momentos em que o sol estiver entre nuvens.
  • Evite deixar a flor muito próxima ao fundo, para que ela não projete sombra, caso haja luz de frente.
  • Nas fotos ao ar livre, dê preferência à parte da manhã, quando a luz é mais suave. Busque, por exemplo, um cenário de folhagens ou algo que não introduza muitas cores e formas que possam “brigar” com as formas e cores das orquídeas.
  • Nas fotos em ambiente interno, crie um fundo preto para valorizar as cores, usando para isso um material não brilhoso.
  • Proteja a planta do vento, pois o movimento prejudica o foco.
  • Posicione a lente da máquina de modo a realçar as boas características da flor, lembrando que, no caso do fotógrafo amador – a quem se destina esta mensagem – o objetivo é ressaltar a beleza das orquídeas, não havendo pretensões de transmitir conhecimentos botânicos.

Isto é o começo. Com a prática, você irá pouco a pouco aprimorando sua técnica e obtendo fotografias cada vez melhores. Tão boas quanto as que ilustram essa postagem. São fotos de autoria do orquidófilo e paisagista carioca Carlos Keller, que obtém excelentes resultados utilizando equipamento simples. Uma amostra ampliada das flores do Keller está disponível no Youtube. Veja o espetáculo que ele nos proporciona, acessando: https://www.youtube.com/watch?v=ctPf13Efr4A&feature=youtu.be

(Esta é a primeira postagem da série Orquídeas: quem ama, fotografa. Em breve daremos sequência ao tema, convidando os internautas para participarem enviando suas fotos. Aguarde instruções sobre como participar.)

A exposição da OrquidaRio sob as lentes de Carlos Keller

O paisagista carioca Carlos Keller é um apaixonado pelos pássaros e as orquídeas. Fotógrafo de grande sensibilidade, sabe captar como ninguém a beleza das orquidáceas, explorando sempre o melhor ângulo, a iluminação mais adequada, a interação mais perfeita entre os elementos florais e a folhagem.

Outra característica sua, além do profundo conhecimento de tudo o que se relaciona ao mundo das orquídeas, é a generosidade, a disponibilidade para partilhar com os outros aquilo que aprendeu na prática e na pesquisa paciente junto às boas fontes.

Ao percorrer a exposição “Orquídeas no Jardim”, que aconteceu entre os dias 1º e 4 de maio, no Jardim Botânico do Rio de Janeiro, numa promoção da OrquidaRio, Keller, evidentemente, não se comportou como um vistante qualquer. Fotografou, prodigamente, as orquídeas expostas e os detalhes do cenário (interno e externo), tudo anotando, para, no final, produzir um registro minucioso – e precioso – do que foi aquela mostra.

A ACEO reproduz aqui algumas das centenas de imagens captadas por Carlos Keller naquela que é uma das mais belas exposições de orquídeas realizadas no Brasil. Ao se aproximar o Dia das Mães, é um presente que oferecemos às mães orquidófilas. Vejam o que selecionamos:

Bc. Pastoral Innocence (Aranda)
Bc. Pastoral Innocence
Beallara A. Rivers
Beallara A. Rivers
Blc. Goldenzelle Lemon Chiffon
Blc. Goldenzelle Lemon Chiffon
Blc. Nan Chang Silk Olimpic Torch
Blc. Nan Chang Silk Olimpic Torch
Blc. Shiniti Ishikawa
Blc. Shiniti Ishikawa
Blc. Suzuki's Matrix Crown Jewel - Melhor planta da exposição
Blc. Suzuki’s Matrix Crown Jewel – Melhor planta da exposição
Cattleya walkeriana fantasia
Cattleya walkeriana fantasia
Cattleya walkeriana tipo
Cattleya walkeriana tipo
Dendrobium Hibiki
Dendrobium Hibiki
Dendrochilum cobbianum
Dendrochilum cobbianum
Laelia praestans
Laelia praestans
Lc. Keowee VI Galaxy
Lc. Keowee VI Galaxy
Lc. Love Sound Lemon Star
Lc. Love Sound Lemon Star
Miltonia híbrida
Miltonia híbrida
Paphiopedilum Daisy Barkley
Paphiopedilum Daisy Barkley
Paphiopedilum Via Quatal x
Paphiopedilum Via Quatal x
Paphiopedilum Willow Crest x
Paphiopedilum Willow Crest x
Potinara Red Crab (Aranda)
Potinara Red Crab (Aranda)
Prostechea cochleata
Prostechea cochleata
Slc. Fire Fantasy Himimamu
Slc. Fire Fantasy Himimamu
Sophronitis brevioedunculata
Sophronitis brevioedunculata
Vanda Kultana Blue
Vanda Kultana Blue
Um "clic" do poeta Keller: Garça Branca grande (Ardea alba)
Um “clic” do poeta Keller: Garça Branca grande (Ardea alba)

Flores que enfeitaram a 21ª exposição do CPO, em Natal

Cattleya labiata concolor 'Walter Dreher'
Cattleya labiata concolor ‘Walter Dreher’
Cattleya labiata var. semialba
Cattleya labiata var. semialba
Cattleya labiata var rubra
Cattleya labiata var rubra
Cattleya labiata var. alba
Cattleya labiata var. alba
Ascocenda Yip.
Ascocenda Yip.
Vanda híbrida.
Vanda híbrida.
Blc. Momilani Rainbow
Blc. Momilani Rainbow
Brassavola tuberculata.
Brassavola tuberculata.
Dendrobium phalaenopsis híbrido.
Dendrobium phalaenopsis híbrido.

Algumas das mais belas flores levadas à 21ª Exposição de Orquídeas do Círculo Potiguar de Orquidófilos-CPO aparecem aqui, numa seleção de fotos de Michelle Canário, 2ª secretária da Associação Cearense de Orquidófilos-ACEO. A Cattleya labiata, que se encontrava no apogeu de sua floração no Rio Grande do Norte, chamou a atenção do público que acorreu ao Sam’s Club, entre os dias 4 e 6 de abril. O evento reuniu amantes das orquídeas de vários estados nordestinos.

Os vencedores da 38ª Exposição de Orquídeas de Pernambuco

Cattleya labiata var. alba
Cattleya labiata var. alba
Cattleya labiata var. concolor
Cattleya labiata var. concolor
Cattleya labiata var. rosada
Cattleya labiata var. rosada
Cattleya Cruzeiro do Sul
Cattleya Cruzeiro do Sul
Dendrobium Pink Splash
Dendrobium Pink Splash
Lc. Ruby Lip
Lc. Ruby Lip
Lc. Remo Prado
Lc. Remo Prado
Bulbophyllum grandiflorum
Bulbophyllum grandiflorum
Bulbophyllum graveolens
Bulbophyllum graveolens
Em 1º plano, Lou Menezes (esq.) e Michelle Canário (ACEO); por trás, Selene Costa (esq.)do CPO, de Natal, e Vera Coelho, presidente da ACEO
Em 1º plano, Lou Menezes (esq.) e Michelle Canário, da ACEO; por trás, Selene Costa (esq.) do CPO, de Natal, e Vera Coelho, presidente da ACEO

Apresentamos aqui os vencedores da 38ª Exposição de Orquídeas de Pernambuco, realizada pela Associação Orquidófila de Pernambuco (ASSOPE) nos dias 14, 15 e 16 do corrente mês de março. O cenário da mais tradicional exposição de orquídeas do Nordeste foi o Museu do Estado de Pernambuco, onde também houve feira de plantas, palestras técnicas e oficinas de cultivo, além do lançamento do livro Orquídeas do Planalto Central Brasileiro, de autoria da engenheira florestal Lou Menezes, curadora do Orquidário Nacional do IBAMA, em Brasília.

As fotos que ilustram esta reportagem são de Michelle Canário, 2ª Secretária da Associação Cearense de Orquidófilos. A seleção não objetiva, exatamente, mostrar as plantas premiadas, mas apenas revelar a beleza e variedade das orquídeas expostas.

Segue-se relação das plantas premiadas e os respectivos cultivadores:

Melhor Cattleya labiata

  1. Cattleya labiata var. rosada – Manuel Ximenes
  2. Cattleya labiata var. alba “Dr. Manuel Ximenes” – Manuel Ximenes
  3. Cattleya labiata var concolor “D. Graça Veiga” – Sérgio Rangel

Melhor Espécie Estrangeira

  1. Bulbophyllum grandiflorum – Vila Aldeia
  2. Grammatophyllum scriptum – Sérgio Rangel
  3. Phalaenopsis amboinensis – Sérgio Rangel

Melhor Espécie Nacional

  1. Miltonia moreliana – Vila Aldeia
  2. Cattleya aclandiae – Sérgio Rangel
  3. Oncidium jonesianum – Taroh

Melhor Híbrido de Cattleya

  1. LC Chyong Guu Swan ‘Ruby Lip’ – CPO
  2. LC Remo Prada – Edivaldo Pedro
  3. BLC Phulai #22 – CPO

Melhor Híbrido monopodial

  1. Ascocenda Aod Eswai x Ascocenda Bangkhunthengold Fuchs Gold – Edivaldo Pedro

Melhor Híbrido

  1. Dendrobium Ding Dang Blue – Vila Aldeia

Micro Orquídea

  1. Ornithophora radicans – Edivaldo Pedro
  2. Maxillaria Salem reamer – Lindon Barros
  3. Dendrobium wenzelii – Lindon Barros

Mérito Botânico

  1. Bulbophyllum grandiflorum – Vila Aldeia

Melhor Planta da Exposição

  1. Miltonia moreliana – Vila Aldeia
  2. Bulbophyllum grandiflorum – Vila Aldeia
  3. Cattleya labiata var. alba ‘Dr. Manuel Ximenes’ – Manuel Ximenes

Voto Popular

  1. BLC Pink Empress – Flávio Santos